Como substituir a proteína da carne?

A alimentação do brasileiro é culturalmente composta pelo arroz, feijão e alguma carne. No entanto, recentemente, o preço da carne vermelha no Brasil aumentou mais de 30% e esse alimento está cada vez mais difícil de ser adquirido.

A Nutricionista Cristiane Elias explica como substituir a carne por opções mais baratas e ainda nutritivas, como:

·         Ovos

·         Leite

·         Queijo

·         Frango

As proteínas encontradas na carne desempenham um papel muito importante no organismo, fornecendo material para a construção e manutenção de todos os órgãos e tecidos. “Dentre as funções é possível destacar seu papel no transporte de oxigênio (hemoglobina), na proteção do corpo contra organismos patogênicos, como catalizador de reações químicas, receptor de membrana, atuação na contração muscular (actina e miosina), além de ser fundamental para o crescimento e formação dos hormônios”, aponta Cristiane.

Indícios da falta de proteína

A falta de proteína pode acarretar complicações no organismo. “A fadiga excessiva ou crônica é o primeiro sinal de falta de proteína. Um segundo alerta sobre a falta de proteína no corpo é queda ou enfraquecimento do cabelo. Além disso, um terceiro sintoma está relacionado aos músculos, que é a perda de massa muscular”, alerta a nutricionista.

Deixe uma resposta